fbpx
Carregando...
Agendamento: RS +55 (51) 4063.8333, RJ +55 (21) 4063.8333, SP +55 (11) 4063.3338
De segunda-feira a sexta-feira das 8h às 20h | Sábado das 9h às 15h
Voltar

Blog

Voltar

O que é bioplastia e o que o procedimento pode fazer

Bioplastia é uma técnica de preenchimento para correção volumétrica e tratamento de irregularidades e depressões facial e corporal. O termo Bioplastique foi cunhado pelo cirurgião plástico norte-americano Robert Ersek na década de 90 e trazido para o Brasil no início dos anos 2000 pelo cirurgião plástico Almir Nácul. A técnica consiste em utilizar implantes líquidos infiltrados por microcânulas para equilibrar volume sem cirurgia. O procedimento deve ser realizado com anestesia local em consultório médico, conforme as orientações da Anvisa.

As duas grandes áreas da bioplastia são os procedimentos faciais e corporais, que podem ter finalidade estética ou reparadora. No rosto, o objetivo costuma ser a harmonização facial ou rejuvenescimento. No corpo, com exceção da bioplastia de glúteo, coxas, panturrilha e mãos, os demais procedimentos têm finalidade reparadora. Dependendo do objetivo do tratamento as opções podem variar entre quatro produtos absorvíveis: ácido hialurônico, ácido polilático, hidroxiapatita de cálcio, policaprolactona e polimetilmetacrilato, que é definitivo.

A utilização de implantes líquidos permite não apenas a realização de um procedimento sem cortes, mas também uma maior versatilidade, pois é possível definir com maior liberdade tanto o local a ser preenchido como o volume a ser injetado, respeitando as linhas naturais do paciente para uma aparência mais natural. Lembrando que cada um desses produtos apresenta ainda subdivisões para atender as necessidades de cada paciente.

O diferencial da bioplastia é oferecer um efeito semelhante ao da cirurgia plástica sem necessidade de internação e longo tempo de recuperação. A técnica busca atender a demanda por tratamentos não cirúrgicos, com aparência visível em menor tempo e rápido retorno à rotina. O segredo é a aplicação do produto certo, na profundidade certa e na quantidade certa. Para isso são utilizadas microcânulas, agulhas com ponta arredondada, para injetar os implantes líquidos sem cirurgia preservando veias e nervos, o que significa menos hematoma e inchaço. O procedimento é realizado com o paciente acordado, em cerca de uma hora e permite a retomada das atividades no mesmo dia, com restrições mínimas.

Harmonização Facial é o conjunto de processos que visa o equilíbrio das proporções faciais com objetivo de definir ou alterar o formato do rosto respeitando as linhas naturais da face para uma aparência mais harmônica. A harmonização do rosto é feita conforme a necessidade de cada pessoa e pode incluir diferentes procedimentos estéticos como bichectomia, tratamento para papada, toxina botulínica, preenchimento, fios de sustentação, laser CO2 fracionado, ultrassom microfocado e até jato de plasma e tratamentos odontológicos, tudo dependendo da avaliação presencial.

Rejuvenescimento facial pode incluir, além da bioplastia, aparelhos de ultrassom microfocado e laser CO2 fracionado, entre as tecnologias mais comuns, que podem ser aplicadas inclusive no pescoço, colo e mãos. Os diversos sinais da idade, como rugas, manchas, flacidez e perda de volume dificultam o rejuvenescimento com um único tratamento, como lifting facial, por exemplo. Por isso, de acordo com as necessidades de cada paciente outros procedimentos médicos também pode ser associados para aparência mais natural, como fios de sustentação, microagulhamento, peeling químico e toxina botulínica, conforme avaliação médica.

Bioplastia de glúteo é o procedimento mais popular, indicado principalmente para quem deseja ter mais volume na região. Estudo publicado em 2019 na revista Plastic and Reconstructive Surgery, periódico ligado a Sociedade Norte-americana de Cirurgia Plástica revelou após acompanhamento de quase 2.000 pacientes por 10 anos que a quantidade de volume implantada não tem relação direta com possíveis intercorrências. Além disso, a técnica também permite tratar flacidez através da bioestimulação de colágeno por substâncias particuladas e equilibrar assimetrias, como a falta de volume lateral chamada depressão trocantérica.

A bioplastia reparadora possibilita a reconstrução em casos de Síndrome de Poland, Pé Torto Congênito, Lábio Leporino, sequelas de Poliomielite, Síndrome de Parry Romberg, entre outros, incluindo Lipodistrofia, tratamento que pode ser realizado inclusive pelo SUS. Independente da finalidade do procedimento, estética ou reparadora, o objetivo é contribuir para autossatisfação, autorrealização, maior autoestima, bem-estar e acima de tudo qualidade de vida.

Outras possibilidades da bioplastia são a feminização facial e os procedimentos íntimos. A feminização é um conjunto de procedimentos médicos que busca a criação de traços femininos ou masculinos em pacientes transexuais e transgêneros, podendo incluir preenchimento frontal da testa, definição da linha da mandíbula, rinomodelação, lifting das sobrancelhas, maçãs do rosto e do canto dos olhos, além de mentoplastia, aumento de lábios e até mesmo reduzir a protuberância óssea na região das sobrancelhas. Na bioplastia íntima podem ser realizados o preenchimento dos grandes lábios, devolvendo volume e tratando a flacidez na região, além de bioplastia peniana.

Riscos da bioplastia

A bioplastia é cercada por muitos mitos, a maioria referentes a sua segurança, por isso elencamos qual deve ser a conduta ideal para minimizar os riscos da bioplastia.

1 – Verifique se o local tem alvará da vigilância sanitária atestando condições ideais de higiene para realização do procedimento. Este é um tratamento médico que não pode ser realizado em quarto de hotel, em casa ou em qualquer outro ambiente sem as devidas condições de higiene.

2 – O procedimento deve ser realizado por um médico, pois ele é o profissional mais apto para tratar possíveis complicações, caso venham a ocorrer.

4 – Procure conhecer o profissional a fundo. Além de ter CRM válido no conselho de medicina do estado onde o procedimento será realizado, publicação de artigos e participação em cursos e congressos sobre o tema também contam a favor.

3 – Certifique-se de que a marca comercial do implante líquido a ser utilizado é aprovada pela Anvisa. Peça que o produto seja aberto na sua presença e verifique validade e lote na embalagem.

A bioplastia é uma técnica versátil realizada com implantes biologicamente compatíveis para correção volumétrica facial e corporal sem cirurgia. Quando realizada dentro das normas de vigilância sanitária e por profissional experiente o procedimento apresenta baixo risco de complicação, conforme demonstra estudo publicado em 2016. Conheça em detalhes cada uma das possibilidades da bioplastia.