Agendamento: RS +55 (51) 4063.8333, RJ +55 (21) 4063.8333, SP +55 (11) 4063.3338
De segunda-feira a sexta-feira das 8h às 20h | Sábado das 9h às 15h
Voltar

Blog

Voltar

Centro de Tratamento a Laser

Tendo em vista a demanda permanente por tratamentos cada vez menos invasivos e com efeitos mais expressivos em curto período, o mercado médico e estético desenvolve todos os anos diversas tecnologias que buscam produzir resultados semelhantes aos tratamentos minimamente invasivos ou cirúrgicos com o mínimo de interferência na rotina do paciente. Hoje em dia existem centros de tratamentos a laser com aparelhos estéticos e médicos que oferecem soluções para quase todo tipo de problema, são tantas opções que é até difícil escolher.

Como escolher o melhor aparelho?

Antes de tudo é fundamental que o aparelho possua liberação da Anvisa para ser utilizado no Brasil, o que significa chances reduzidas de efeitos adversos e maior probabilidade de uma resposta satisfatória. Jamais utilize produtos médicos ou estéticos não aprovados pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Além de poderem não atender as expectativas, produtos não liberados oferecem risco a sua saúde. Uma simples consulta no site da Anvisa pelo nome do produto permite saber se o aparelho tem ou não autorização para ser utilizado no Brasil.

Como todo produto, existem marcas melhores e piores, portanto, é importante ler resenhas de pacientes que já realizaram o tratamento, como as disponibilizadas pelo site RealSelf e visitar os sites oficiais das marcas para saber se a tecnologia é eficaz e se realmente atende as suas necessidades.

Tratamento médico ou estético?

Engana-se quem pensa que por não serem invasivos todos os aparelhos são de operação simples, algumas tecnologias inclusive são tão complexas que só podem ser aplicadas por médicos. Outras, contudo, são aplicadas por fisioterapeutas ou esteticistas, mas também demandam conhecimento do profissional, sendo necessária a realização de cursos específicos e a participação em workshops de atualização, muitas vezes oferecidos pelo próprio laboratório fabricante. Ou seja, a preparação do operador do aparelho é tão importante quanto a própria qualidade do equipamento.

O mais importante, contudo, é consultar o seu médico. Converse com um médico de sua confiança a respeito dos seus desejos e solicite a opinião dele sobre o tratamento que gostaria de realizar. A opinião de um profissional é decisiva na hora de definir qual o tratamento e o aparelho mais adequado.

Neste post selecionamos algumas tecnologias para ajudar você a entender um pouco mais sobre as opções disponíveis e como elas funcionam. Basta clicar na legenda da imagem para saber todos os detalhes de cada um dos aparelhos.

Aparelhos destinados a procedimentos estéticos

Aparelhos destinados a procedimentos médicos

A dedicação e o tempo dos setores de pesquisa e desenvolvimento são voltados também à praticidade, criando produtos cada vez mais versáteis, que utilizam a mesma tecnologia para realizar mais de um tratamento. Hoje em dia, o mesmo aparelho de ultrassom pode tratar tanto a flacidez facial quanto corporal. A simples troca de uma ponteira permite tanto a aplicação da criolipólise para tratamento da papada quanto o congelamento da gordura do abdômen, além de transformar o laser CO2 fracionado em uma forma delicada e confortável de tratamento da atrofia vaginal para rejuvenescimento íntimo. Os aparelhos ainda podem atender diferentes objetivos conforme os recursos utilizados, é o caso do laser Nd:Yag para remoção de tatuagem, que associado à máscara de carvão ativado realiza o peeling de carbono.

Esses aparelhos funcionam de verdade?

Sim. Mas para isso é importante certificar-se de que a marca comercial é liberada pela Anvisa e que o aparelho será operado por um profissional treinado, seja médico, fisioterapeuta ou de outra especialidade. Além disso, é importante atentar também para a higiene do local onde o procedimento é realizado e o comprometimento do paciente com o tratamento. Apesar de não serem invasivos, tratamentos realizados com aparelhos podem expor porções internas da pele, especialmente no caso de lasers, por isso é fundamental que a clínica ou consultório possua alvará da vigilância sanitária que declare condições ideais para realização de tais procedimentos. Outro fator decisivo para obtenção do efeito esperado é o paciente seguir as recomendações pós-procedimento, a conduta adotada ao sair do consultório é de extrema importância para que a estimulação feita pelo tratamento tenha efeito.