Porto Alegre

Rio de Janeiro

São Paulo


IN ES BR

Certificações

Certificação CNPQ
Certificação ISO
Certificação empresa ISO 9001:2008 e CNPq.

Receber Notícias

E-mail:
Nome:

SBCP aponta as cirurgias plásticas mais realizadas no Brasil

Dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) sobre cirurgias plásticas no no Brasil abordam o biênio 2014-16.

Cirurgias plásticas mais realizadas no Brasil

Embora as cirurgias plásticas estéticas ainda ocupem a maior parte das agendas dos cirurgiões no Brasil, a procura por procedimentos não cirúrgicos tiveram um aumento de 390%, representando, atualmente, cerca de 47,5% das intervenções realizadas pelos médicos especialistas no país. Os dados são do Censo 2016 da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), que entrevistou 1.218 associados, de todas as regiões do país, sobre o biênio 2014-16.

Alternativas estéticas menos invasivas, os procedimentos não cirúrgicos costumam atender a demanda de público de uma faixa etária mais baixa. Segundo mostra a pesquisa da SBCP, o tratamento mais procurado é o preenchimento, seguido da aplicação de toxina botulínica, peeling, laser e suspensão com fios.

Já entre as cirurgias plásticas estéticas, o aumento de mamas ainda é o procedimento mais realizado no Brasil. Em segundo está a lipoaspiração, que é seguida da dermolipectomia abdominal (abdominoplastia), da mastopexia (elevação das mamas) e da redução de mamas. Em 2016, foram realizadas mais de 839 mil cirurgias plásticas estéticas no país, equivalente a 57% de todos os procedimentos registrados pela SBCP.

As cirurgias plásticas reparadoras também tiveram uma aumento significativo. Em 2009, chegaram a representar 27% dos procedimentos realizados. Em 2016, esse dados subiu para 43%. Cirurgia após câncer de pele, pós-bariátrica e reconstrução mamária são as cirurgias plásticas reparadoras mais procuradas, respectivamente.

>

clinica leger s�o paulo Clinica Leger Moema São Paulo

 

Clínica Maison Leger Porto Alegre
Clínica Leger Rio de Janeiro
Clínica Leger Recife